Busca
  • portaldiaadia_am
  • @diaadia_am
  • diaadia_am

Prefeito Bi Garcia lamenta atitude do DNIT em fechar o porto de Parintins a dois dias do festival

O chefe do executivo municipal chamou de irresponsável a decisão e citou que o porto vive mais tempo fechado do que aberto

Prefeito Bi Garcia lamenta atitude do DNIT em fechar o porto de Parintins a dois dias do festival Foto: Reprodução Notícia do dia 22/06/2022

Cayo Dias

Parintins (AM) - O prefeito de Parintins, Bi Garcia (UB), lamentou e criticou a decisão do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), em fechar o Porto de Parintins a dois dias do início do festival 2022.

 

A interdição se deu por conta do estado crítico da estrutura física dos flutuantes e a necessidade de limitar o fluxo de passageiros sob o convés. A manutenção não acontece desde a sua inauguração, no ano de 2006.

 

O chefe do executivo municipal criticou a comparação do órgão federal em comparar o porto de Parintins com o da capital amazonense que possui mais de 100 anos.

 

“É lamentável a atitude do DNIT de fechar o porto de Parintins. Eles ficam fazendo uma comparação com o porto de Manaus que tem mais de 100 anos de fundação, o porto de Parintins tem 16 anos desde que foi inaugurado, no ano de 2006, e lamentavelmente desde a sua inauguração esse porto vem dando problema pra cidade”, criticou

 

Garcia destaca que o terminal hidroviário do município permanece mais tempo fechado que aberto com os constantes problemas em sua estrutura, trazendo grande prejuízos para a população.

 

“Esse porto vive mais fechado do que aberto e a Prefeitura de Parintins tem sido colaboradora, no sentido de colocar funcionários para que o porto possa funcionar. Nesse momento importante pra cidade, pra nossa economia, pra geração de emprego e renda, e oportunidade de trabalho pra população parintinense, o DNIT resolve fechar o porto, quando nós temos o controle total do funcionamento com o apoio da Marinha do Brasil”, pontuou.

 

Bi Garcia afirma que a prefeitura está realizando reuniões com o Governo do Estado e a Marinha do Brasil em busca de soluções para que o problema seja solucionado imediatamente

 

“A prefeitura tem ajudado o DNIT no funcionamento e lamentavelmente nos surpreendem com a decisão de fechar o porto da cidade. Nós estamos tendo reuniões pra ver se a gente encontra um caminho pra solucionar o problema junto ao DNIT, mas como prefeito da cidade só tenho a lamentar a irresponsabilidade com que o DNIT cuida do porto de uma das portas de entrada da nossa cidade”, finalizou.